segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Ilha do Marajó é cenário da Prova mundial de Mountain Bike

"Participantes elogiaram a organização do evento e a hospitalidade dos moradores do Marajó"


A advogada Marlucia Almeida, 47, é bicampeã do circuito Outdoor Challenge de Mountain Bike realizado na ilha de Marajó, neste sábado, 28. Ela venceu a prova marajoara, de 150km, com tempo acima de oito horas. No masculino, o comerciante José Tadeu de Oliveira Santos, venceu a prova com tempo de 9h e cinco minutos. Pela manhã, Adilson Kramer, de Belém, venceu a prova Aruãs, de 75 km, e Tassya Brasil venceu na versão feminina do mesmo percurso. 


A etapa do Marajó encerrou a programação da Associação Outdoor Challenge de Mountain Bike em 2015. Para os competidores ficou o sentimento de vencer um circuito desafiador. A maioria também elogiou a organização do evento e a hospitalidade dos moradores do Marajó, que recepcionaram os participantes com café, suco, bolo e água.

Para a advogada Marlucia Almeida, vencer a etapa do Marajó foi mais que gratificante, uma vez que a região oferece condições ideais à prática do mountain bike. “A prova foi muito difícil, mas estou feliz por ter chegado em primeiro lugar”, contou. O percurso de 150km atravessou campos, terruadas, estradas, areal entre outros trechos íngremes que caracterizam a região da ilha de Marajó. Os búfalos também cruzaram o caminho dos atletas. “Também precisei abrir e fechar as porteiras das fazendas. Foi difícil com momentos de solidão, mas me concentrei na prova e mantive meu ritmo”, destacou a advogada emocionada, e que agora vai se preparar à prova de Imperatriz, no Maranhão, com percurso de 120km.

Já o comerciante José Tadeu disse que o percurso foi o mais difícil que ele já enfrentou. Ele havia ficado em segundo lugar nas etapas de Bujaru e Salinópolis, e agora, venceu a prova do Marajó desbancando os favoritos, os engenheiros Jefferson Pereira e Cassio Stremel.
Curiosidades – A prova da etapa do Marajó também foi marcada por curiosidades e amor ao esporte. Segundo a coordenação da prova, alguns atletas tiveram problemas nos pneus e nos assentos das bicicletas e mesmo assim conseguiram correr por muitos quilômetros até a reta final da prova, em frente à Pousada dos Guarás, em Salvaterra. Nas rodadas de conversa não faltaram episódios de coragem e integração com os moradores da região.
Para realizar a prova, a Outdoor Challenge, com apoio do Governo do Estado, organizou um esquema especial de segurança, saúde, transporte, alimentação e hospedagem dos atletas e seus familiares. Para o presidente da Federação Paraense de Ciclismo, Edilson Kramer, vencedor da prova Aruãs, de 75km, a modalidade pode se popularizar a partir da construção de pistas e locais especiais de competição. “Todas as crianças gostam de bicicleta e precisamos investir na base se quisermos revelar grandes campeões”, disse.

A etapa do Marajó encerrou com a entrega da premiação aos campeões e show de carimbó marajoara. Nesta segunda-feira, 30, a Seel (Secretaria de Esporte e Lazer) divulga a relação completa dos vencedores. “Nós só temos a agradecer a organização pelo sucesso do evento”, disse Oldair Rodrigues, da equipe de Marabá.
Agência Pará, Fotos e Texto.


Nenhum comentário:

Postar um comentário