segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Turismo Ecológico, Ponto Forte da Amazônia

O Turismo Ecológico ou Ecoturismo é um ramo de atividade opcional que surgiu numa tentativa de conciliação das questões sócio-econômicas e ambientais, buscando harmonizar o crescimento econômico com a conservação dos recursos naturais disponíveis.

Sendo um segmento relativamente novo, o Eco turismo, cujas ações na Amazônia começaram a ganhar força, e se realizarem efetivamente a partir do inicio da década de 90.


A Amazônia desperta no contexto Nacional e Internacional, por conta do Turismo Ecológico ou Ecoturismo, em decorrência do crescimento da consciência ecológica no mundo, onde se busca valorizar  ecossistemas e costumes locais, como parte integrante da vida do homem moderno.

Ecoturismo e o desenvolvimento Sustentável O mundo volta-se com olhares e atenções para a questão ambiental, que independente de ser o “Point” do momento, tem como “ingrediente” especial, o fato de, na tentativa de se atrelar o desenvolvimento econômico ao fator de sustentabilidade que o sistema capitalista tanto defende; foi-se introduzido uma nova atividade.

Amazônia ocupa 61% do Brasil A floresta Amazônica brasileira corresponde a um terço das florestas tropicais do mundo. A Amazônia Legal engloba os estados do Acre, Amapá, Amazônia, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins numa área de cinco milhões de quilômetros quadrados, representando 61% do território brasileiro. A Amazônia é uma selva rabiscada por rios como o desenho de raízes de uma frondosa árvore centenária.


Nestes traçados tortos, formados pelos rios amazônicos, pulsa 20% de toda a água doce existente no planeta, maior arquipélago fluvial do mundo. Onde o sol assume as formas de uma vitória régia, flor símbolo da Amazônia, as lendas se materializam no imaginário dos caboclos, o tempo não é contado em horas, mas em dias de viagens em barcos, que cruzam a fascinante tradução da natureza, a permissão de vida para uma generosa fauna e flora.

Centro da região norte, limitando-se ao norte com o estado de Roraima, Venezuela e Colômbia; a leste com o Pará; a sudeste com o Mato Grosso; ao sul com Rondônia e a sudoeste com Acre e o Peru.

A maior floresta tropical do mundo é um lugar cheio de segredos. Com uma enorme variedade de paisagens, povos e costumes, seus seis milhões de km² escondem surpresas até para quem está acostumado com a região. A grande biodiversidade atrai anualmente centenas de milhares de turistas e pesquisadores, que encontram espécies vegetais e animais das mais comuns, como macacos e tucanos, às mais raras.

O turismo vem se desenvolvendo muito na região e os hotéis de selva se tornaram uma ótima opção de hospedagem, garantindo um maior contato com a verdadeira Amazônia. Um Brasil selvagem e bem diferente lhe espera para uma viagem fantástica...

Estar na Amazônia, cercado pela vida em estado bruto é uma experiência incrível. Mas há muito mais para fazer na floresta. À noite, sair de barco com lanternas e um bom guia é a certeza de encontrar jacarés e chegar bem perto! Durante o dia, os passeios de barco, a pesca de piranhas, trilhas e a visita de pequenas comunidades ribeirinhas, onde se pode conhecer o modo de vida do povo local, são ótimas opções.


Quando os rios estão mais baixos, no segundo semestre do ano, as praias de rio surgem e mais uma atração fica a disposição.
Fotos Davi Belém/ Roberto Santos/ Helly Pamplona

Nenhum comentário:

Postar um comentário