terça-feira, 6 de dezembro de 2016

PRESIDENTE FIGUEIREDO O PARAÍSO DAS CACHOEIRAS NO AMAZONAS

Embarque na fascinante aventura em Presidente Figueiredo...

Aproximadamente 159 cachoeiras, sendo 49 catalogadas, sete corredeiras, nove cavernas e grutas fazem Presidente Figueiredo ser considerado a 'terra das cachoeiras'. O município, situado a 107 km da capital do Amazonas, integra a Região Metropolitana de Manaus (RMM), a maior região metropolitana brasileira em área territorial e a mais populosa do Norte do Brasil. A 'terra das cachoeiras' é uma boa pedida, principalmente, para os interessados em turismo de aventura e o Ecoturismo
A estrada de Balbina concentra a maior parte das cachoeiras. Logo no km 6, existe a Caverna do Maroaga e a Gruta da Judéia, ambas próximas uma da outra. Porém, para conhecê-las, é necessário gastar, pelo menos, 2 horas e só pode ser visitada com um guia de selva, por conta da complicada trilha até o local, além de estar área de proteção ambiental.

O nome de Caverna do Maroaga foi dado em homenagem a um chefe Waimiri-Atroari que, segundo a lenda, se refugiou na caverna na década de 60 durante a construção da BR-174. Segundo o guia, a caverna é considerada um dos lugares mais fascinantes da cidade, pois possui mais de 200 metros de túneis e galerias, que eram utilizados como esconderijo pelos indígenas que fugiam dos ataques dos militares. Ao sair da caverna, basta caminhar mais 30 minutos e é possível chegar à Gruta da Judéia. No local, existe uma piscina natural com águas douradas e um paredão rochoso com árvores e cipós. Esse é um dos roteiros preferidos de turistas com um perfil mais aventureiro.

No km 12, é possível encontrar a Cachoeira do Santuário, que pode ser considerada uma das mais bem estruturadas da cidade e conta com chalés para casal, ou para quatro pessoas, com café da manhã incluso. 
No Santuário, existe um paredão com a imagem de Santa Clara. Segundo o funcionário que trabalha há 15 anos no local, Marco Aurélio, os índios utilizavam a cachoeira para fazer rituais de renovação. Segundo ele, muitos acreditam que a cachoeira renova as energias espirituais, e a pequena espuma que se forma com a forte queda da água faz bem para a pele. Ainda na AM 240, no km 13, localiza-se a Cachoeira da Porteira, uma das mais escolhidas para camping. Para quem prefere um ambiente familiar, e mais seguro para crianças, o indicado é o Sítio Berro D'água Cachoeira, no km 11, e a Cachoeira dos Pássaros, localizada no km 13.

Na Cachoeira dos Pássaros, é possível usufruir de turismo rural na época da vazante, e como turismo de lazer durante os 6 meses de cheia dos rios. Além das cachoeiras citadas, as outras mais visitadas na AM 240 são a Cachoeira Cara da Onça e Sossego da Pantera, no km 20, a Corredeira Rio das Pedras, no km 22,  e a Cachoeira da Pedra Furada e Salto do Ipy no km 57.
Parque Urubuí - Localizado no km 107 da BR-174, o Parque Urubuí (nome de um pássaro conhecido da região),  é uma área de proteção ambiental, que objetiva conciliar as atividades humanas com a proteção dos recursos naturais.

Quiosques, hotéis, lojas e restaurantes preenchem o parque, conhecido como o ponto central da cidade. O
prato mais pedido nos restaurantes é o filé regional de tucunaré, retirado do lago de Balbina.
Para quem quer praticar esportes, a corredeira do Urubuí oferece o boiacrósse Caiaque. As atividades podem ser realizadas de janeiro a junho, pois é quando o nível do rio fica ideal para praticar os esportes. Ainda na BR 174, precisamente no km 115, localiza-se a Cachoeira de Iracema, uma das mais visitadas de Presidente Figueiredo por conta da infra-estrutura turística de qualidade. O local possui pousadas e um restaurante para melhor atender o visitante. Um dos passeios mais interessantes é a observação do pássaro Galo da Serra, no qual é possível encontrá-lo juntamente com o seu predador,o pássaro Gavião, em vegetação campinarana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário